quarta-feira ,25 abril 2018
Página Inicial / Noticias / Bahia: Cinco homens morrem após explodirem agência bancária em Olindina (BA)

Bahia: Cinco homens morrem após explodirem agência bancária em Olindina (BA)

Assaltantes trocaram tiros com a polícia e não resistiram. Dois estão foragidos.

Foto reprodução

Cinco homens morreram e dois estão foragidos, depois que uma agência bancária de Olindina, interior da Bahia, sofreu a segunda ação de criminosos no intervalo de menos de uma semana. Na manhã desta terça-feira (12), uma unidade do Bradesco da cidade foi explodida pelos mesmos elementos que realizaram uma tentativa de assalto na última quarta-feira (6).

As informações são da delegacia local e foram confirmadas pela Secretaria de Segurança Pública (SSP).

De acordo com informações da 6ª CIPM, por volta das 10h, policiais militares da unidade foram acionados pelo CICOM (Centro de Comunicação Integrada) para atender a uma ocorrência de roubo a uma agência bancária no Centro de Olindina.

Quando os policiais chegaram ao local, havia homens armados em um veículo modelo prisma, houve troca de tiros, em seguida os suspeitos fugiram.

Guarnições da 6ª CIPM, das Companhias Independentes de Policiamento Especializado (CIPE) Nordeste e Litoral Norte acompanharam os criminosos, que abandonaram o veículo e adentraram em uma plantação de eucaliptos na localidade de Raso da Lagoa Doce, no povoado de Dona Maria, houve nova troca de tiros.

Cinco suspeitos foram alvejados, em seguida socorridos para o Hospital Municipal de Olindina, onde não resistiram aos ferimentos. Com os acusados, ainda de acordo com a PM, foram encontradas cinco armas, três revólveres calibre 38, duas pistolas e uma réplica de um fuzil AK 47. Foi registrada na delegacia de Olindina. O valor roubado não foi divulgado.

Segundo populares da cidade de Seabra, um dos mortos no assalta era residente da cidade.

 

Fonte: R7 Bahia

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Ibotirama: Mulher é mantida presa em casa por sete dias; marido é preso em flagrante

Uma mulher foi mantida presa há cerca de uma semana em Ibotirama, na região do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *