domingo ,20 outubro 2019
Página Inicial / Educação / Bahia: Polícia Ambiental dá dicas do que fazer ao encontrar um animal silvestre; confira aqui

Bahia: Polícia Ambiental dá dicas do que fazer ao encontrar um animal silvestre; confira aqui

A campanha ‘Disque Ambiental’, iniciada esta semana pela Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental (Coppa), objetiva receber denúncias sobre animais silvestres encontrados em cativeiros, residências ou áreas urbanas. Unidade operacional especializada responsável pelo policiamento ostensivo, visando à proteção do meio ambiente, a companhia atende 156 cidades, incluindo Salvador e Região Metropolitana, Feira de Santana, Alagoinhas e Juazeiro, além dos municípios localizados no Litoral Norte.

A Coppa, segundo esclareceu o seu comandante, major Amilton Souza, combate todos os crimes ambientais, como maus tratos a animais, manutenção de animais silvestres em cativeiro, extração ilegal de recursos naturais, a exemplo de água, minério, madeira e pesca predatória.

O primeiro passo, quando se encontra um animal silvestre em casa, é isolá-lo dentro de um cômodo ou então utilizar algum material que possa contê-lo, “mantendo sempre um contato visual, para que ele não se aproxime de nenhuma pessoa”, explicou Souza, advertindo que, caso um animal seja encontrado na rua, jamais deve-se aproximar ou tentar pegá-lo, já que, muitas vezes, embora aparente calmo, pode se tornar agressivo, se ameaçado.

De acordo com a Lei Federal 9.605/98, manter animais silvestres em cativeiro, sem a devida permissão do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis – Ibama, constitui crime ambiental. Caso alguém encontre algum, deve entrar em contato com a Coppa, através do whatsApp (71) 99982-2309.

 

 

 

Fonte: Jornal da Chapada 

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Homem é preso por porte ilegal de arma e tráfico de drogas em povoado de Canarana

A Polícia Militar prendeu na tarde deste domingo (13), um homem por porte ilegal de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *