terça-feira ,24 outubro 2017
Página Inicial / Noticias / Chapada: Encontrados restos mortais na trilha da Fumaça que podem ser do turista espanhol desaparecido em 2015

Chapada: Encontrados restos mortais na trilha da Fumaça que podem ser do turista espanhol desaparecido em 2015

Restos mortais encontrado na trilha da Fumaça podem ser de Hugo Ferrara Torno/Foto: Montagem/Divulgação

Informação divulgada nesta quinta-feira (11) pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), diz que uma ossada foi encontrada pelo 11º Grupamento de Bombeiros Militares próxima a Cachoeira da Fumaça, na Chapada Diamantina e tais restos mortais podem pertencer ao espanhol Hugo Ferrara Torno, 27 anos, desaparecido desde o final de 2015. A ossada foi encontrada nas proximidades da Cachoeira da Fumaça no Vale do Capão (Palmeiras), dentro da área do Parque Nacional da Chapada Diamantina.

O material encontrado foi encaminhado para o DPT (Departamento de Polícia Técnica) de Irecê para comparação com DNA de sua mãe que já havia sido recolhido no ano passado por determinação da Delegacia de Seabra.

A cerca de um mês uma mochila havia sido encontrada no cânion da Cachoeira da Fumaça, por baixo, pelo guia turístico Emerson Sena e conforme explicou o Presidente dos Guias, Nelson, ao Chapada News, Emerson entregou a mochila à Polícia Civil de Seabra imediatamente para as devidas providências. Após esse achado, os Bombeiros  retomaram as buscas, percorreram vales, cânions, cachoeiras e leitos dos principais rios da região que levassem a indícios que apontassem à localização do jovem.

A irmã e o pai de Hugo durante passagem pela Bahia em busca de Hugo | FOTO: Reprodução/TV Bahia |

A irmã de Hugo, Paola Ferrara Tormo ao saber sobre a mochila já havia declarado, na época, que tinham documentos e escritos do turista espanhol dentro da mochila, que é impermeável, (veja aqui). Em busca de respostas, ela confabulava que algum imprevisto poderia ter acontecido e Hugo “deixou a mochila grande e pegou a menor, impermeável”, disse Paola.

De fato, o Titular da Coordenadoria Regional de Polícia do Interior de Seabra, Dr. Rafael Almeida de Oliveira afirmou que na mochila foram encontrados documentos e anotações que ele fez em forma de diário, em partes em branco de papéis que ele tinha na bolsa, onde relatava o trajeto das trilhas que fez. “Ele relata nas folhas que havia sofrido um acidente que o deixou bastante debilitado”, disse o delegado.

Ainda segundo o Delegado de Seabra, dentro da mochila continha essas folhas de um livro que estavam molhadas e após secar foram encontradas anotações, em inglês, do espanhol Hugo, dizendo que havia sofrido uma queda, quebrado o joelho, pulso e dentes. Ele ainda dizia que via helicópteros sobrevoando na redondeza, mas que não conseguiu contato com a aeronave.

Os restos mortais foram encontrados a partir dos últimos passos do turista e serão encaminhados ao Departamento de Polícia Técnica de Irecê para comparação com o material genético cedido pela mãe de Hugo. O exame comprovará ou não a identificação. Chapada News

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

SEABRA: #TODOS POR NETA. Campanha em solidariedade à NETA PIRES. Doe e faça a diferença

Anália Pires de Souza, ou simplesmente, NETA, está precisando da ajuda de todos os seabrenses …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *