sábado ,21 outubro 2017
Página Inicial / Noticias / “Doe um minuto, mude uma vida” – Campanha Setembro amarelo

“Doe um minuto, mude uma vida” – Campanha Setembro amarelo

Foto: Chapada News.

Nesta segunda-feira (11), o CAPS- Centro de Apoio Psicossocial realizou uma caminhada de alerta à população, nas ruas da cidade de Seabra, por volta das 8 hrs da manhã, com início na R. Simpliciano Lima, com destino inicial a praça de eventos e termino na igreja Bom Jesus.
O intuito da caminhada é divulgar o ‘Setembro amarelo’ que é uma campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio, com o objetivo direto de alertar a população a respeito da realidade de suicídio no Brasil e no mundo e suas formas de prevenção.
Para a realização deste evento, o CAPS contou com a presença do Psiquiatra Dr. Rangel Carneiro Mascarenhas, da Psicóloga Dr. Thais de Souza dos Anjos, e todos os funcionários e pacientes do Caps. Tendo a participação do SEMAE- Serviço Municipal de Assistência Especializada, CREAS- Centro de Referência Especializado da Assistente Social, a equipe dos ‘Jovens Sarados’ um grupo da Igreja Católica.
O CAPS Seabra atende cerca de 462 pacientes por mês, sendo 150 atendimentos com a Psicóloga e 312 com Psiquiatra . Todo via, nota se que é uma questão de saúde pública, muitas mortes poderiam ser evitadas se as pessoas procurassem ajuda. Portanto, peça ajuda, procure o Caps da sua cidade, leve a Carteira de Identidade e o cartão do SUS.
Falar, quebrar tabus, superar estigmas e senso comum, alertar a população e conscientizar são tarefas cotidianas, mas, neste mês, ganham sentido especial: é o Setembro Amarelo, movimento para prevenção do suicídio.
Participe! Vista amarelo, ajuda na iluminação de prédios, ruas, use o laço símbolo da campanha, converse com amigos, familiares. (Chapada News com informações do Caps)

 

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Itabuna: Enfermeiro nega negligência em caso de atendimento de idosa

Filmado no computador enquanto uma idosa, de 78 anos, passava mal, um enfermeiro do Hospital de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *