segunda-feira ,9 dezembro 2019
Página Inicial / Noticias / Palmeiras: Estudante de Brasília que estava desaparecido a 20 dias na Chapada é localizado em Vale do Capão.

Palmeiras: Estudante de Brasília que estava desaparecido a 20 dias na Chapada é localizado em Vale do Capão.

O jovem de 26 anos que não se comunicava com a família desde 15 de setembro foi encontrado nesta segunda-feira (7/10). A notícia chegou a Márcia Caribé, mãe de Yann Gustavo Martins Caribé Maia, 26 anos, por meio de uma rede social. Uma mulher entrou em contato com uma colega da artista plástica para avisar que havia achado o rapaz. A pessoa ainda enviou uma foto do jovem, tirada assim que foi identificado, entre o município baiano de Brumado e a região da Chapada Diamantina (BA).

A mãe de Yann descobriu que o celular do filho estava quebrado e, por isso, ele não falava com a família havia três semanas. A pessoa que o identificou, segundo Márcia, reconheceu o rapaz devido às notícias que saíram sobre o desaparecimento dele. “É a hora de fazer agradecimentos. Sempre acreditei que, por baixo de todo comportamento, crença ou padrão, existe amor. A corrente que foi feita é uma coisa inacreditável. Alcançou mais de 200 mil pessoas. Chegou até a Itália”, contou a artista plástica, que ainda não conversou com o filho.
Yann viajava sozinho de bicicleta desde o ano passado. O brasiliense seguia de Brumado para o Vale do Capão, na Chapada Diamantina, onde encontraria um amigo. O jovem levava uma vida itinerante e vivia da música. Ele saiu de Brasília em 2018 para cursar filosofia na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), mas trancou a matrícula para percorrer o país.

Registro de ocorrência

O músico é o filho do meio entre cinco irmãos. A última vez em que Yann teria visualizado o celular foi em 16 de setembro, segundo a família. Nesta segunda-feira (7/10), Márcia comentou que o jovem costumava ficar, no máximo, três dias sem dar notícias. Sem conseguir informações sobre o filho, ela registrou uma ocorrência na 11ª Delegacia de Polícia (Núcleo Bandeirante).

Desde que começou a viagem, o jovem chegou a passar um período em Minas Gerais, mas estava em Vitória da Conquista (BA) quando falou pela última vez com a mãe, moradora do Gama. Ela conta que o pai de Yann, o artista plástico Marlon Barbosa Maia, irá ao encontro do filho. “Queremos que ele (Yann) volte, mas ele parece muito feliz lá. Essas coisas são fugas. Sei que ele precisava olhar para dentro de si, curar as questões dele”, acredita Márcia.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Seabra: ”Sextou”? Bares fechados, movimento baixo e grande quantidade de policiais nas ruas da cidade.

  Depois das ameaças para que as festas não fossem realizadas em respeito ao enterro …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *