segunda-feira ,23 outubro 2017
Página Inicial / Polícia / Irecê/BA: Jovem desaparecida há três dias é encontrada morta

Irecê/BA: Jovem desaparecida há três dias é encontrada morta

Foto: Lucas Souza Publicidade

Uma adolescente identificada por Fernanda da Silva Soares, de 17 anos, natural de João Dourado, foi encontrada morta no final da manhã desta quarta-feira (23) em um matagal localizado nas imediações do bairro Vivendas, em Irecê/BA.

Segundo a Polícia Civil, Fernanda saiu da casa dos pais em João Dourado na última quinta-feira (17) para visitar o namorado em Irecê. A polícia ainda divulgou que ela estava na casa de familiares do rapaz.

Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT) esteve no local do crime e removeu o corpo que já estava em estado de decomposição para o Instituto Médico Legal (IML) onde foi periciado. A polícia revelou que ela foi assassinada a tiros.

Um menor, também com 17 anos, que teria um relacionamento amoroso com a vítima,  foi apreendido pela Polícia Civil. Em seu depoimento, ele disse que deixou Fernanda nas proximidades de um colégio na cidade de Irecê na tarde de domingo, onde ela seguiria para rodoviária para embarcar num ônibus com destino a João Dourado. Ele nega qualquer participação no crime. Disse também que a vítima usava droga.  Recentemente, o suspeito havia sido apreendido juntamente com outro comparsa por ter cometido um assalto a um supermercado em João Dourado.

Familiares disseram à polícia que Fernanda era para ter retornado a João Dourado no domingo (20), mas não apareceu. A vítima ainda fez uma ligação telefônica pra mãe dela, no domingo, por volta das 17h.

A polícia tem uma linha de investigação e vai trabalhar agora pra prender a pessoa que cometeu o homicídio. Ainda de acordo com a Polícia Civil, não serão revelados mais detalhes sobre o caso, para não atrapalhar a investigação. (Fonte: Central Notícia)

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Dodge aponta Geddel como ‘líder de organização criminosa’

Em manifestação ao Supremo Tribunal Federal (STF) a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, disse que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *