quarta-feira ,22 novembro 2017
Página Inicial / Polícia / MP-BA investigará mulher que ofendeu baianos após atentado em Manchester

MP-BA investigará mulher que ofendeu baianos após atentado em Manchester

Foto: Reprodução/ Facebook

O Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) encomendou um relatório preliminar para investigar a internauta que fez um comentário racista e xenófobo sobre os baianos em seu Facebook. A publicação foi feita durante o ataque que matou 22 pessoas e feriu mais de 100 em Manchester, no Reino Unido.

O Núcleo de Combate aos Crimes Cibernéticos (Nucciber) do MP-BA fará um levantamento das informações disponíveis na rede social da mulher, antes de recorrer a um eventual pedido de quebra de sigilo da conta na rede social. O documento deve ficar pronto em até cinco dias.

“Muitas vezes, no perfil da pessoa já há dados suficientes para a identificação. São informações de onde trabalha, onde estudou, com quem se relaciona. A partir daí, vamos tentar identificar a autoria. Se foi mesmo essa pessoa quem postou”, explica a promotora de Justiça, Lívia Vaz, que acompanha o caso.

Caso as informações sejam insuficientes para chegar até a pessoa de autoria, a quebra de sigilo será solicitada para que o Facebook libere os dados cadastrais do perfil. “A gente só faz a quebra se houver necessidade. Muitas pessoas acabam assumindo que postaram, mas que quando fizeram isso não tinham a intenção de ofender. Mesmo assim, a ação não se justifica e a pessoa precisa responder pelo que cometeu”, afirma a promotora.

Se identificada, a internauta será responsabilizada pelo crime de racismo. Além de responder criminalmente, ela também poderá sofrer processo civil e terá que pagar por dano coletivo por ferir a integridade da população baiana.

Publicação
A publicação foi compartilhada por outros internautas, a maioria deles revoltada com o teor da mensagem. O perfil escreveu: “Só lamento que tenha sido em Manchester e não na Bahia. Seria lindo ver aquele gente nojenta e escurinha da Bahia explodindo. Kkkkkkkkkkkk”.(Correio 24 horas )

Veja também: Mulher diz que baianos deveriam morrer em atentado na Inglaterra e causa revolta

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

New Hit: julgamento de habeas corpus de integrantes é adiado

O julgamento do pedido de liberdade para os integrantes da extinta banda New Hit foi …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *