quinta-feira ,19 julho 2018
Página Inicial / Economia / Piatã: Apesar da crise financeira no país, poder publico se une a comunidade e terá 3 dias de carnaval

Piatã: Apesar da crise financeira no país, poder publico se une a comunidade e terá 3 dias de carnaval

Em reunião, composta por dez pessoas representando a comunidade de Piatã, o poder público decide ter carnaval, com a ajuda de comunidade local.

Na reunião, foram ouvidos os representantes da comunidade, pois é uma festa tradicional em que segundo populares, não poderia acabar. Que até poderia ser uma festa menor, de apenas três dias, com algumas atrações renomadas, mas também com atrações locais, para diminuir o custo. Foi decidido fazer uma comissão, que seria esta responsável por toda ornamentação e organização do carnaval de 2018.

A secretário de administração, Marcos Paulo, afirma que foi repassado a todos que a havia vontade de se fazer carnaval, porém o que estava dificultando era a situação financeira, pois um Carnaval grande como o dos anos anteriores, não teria como fazer, devido à crise que se alastra por todo o país. Porém, com a redução de um dia e principalmente, pela consciência da comunidade, que não havia condições de se fazer um evento como dos anos anteriores, a administração faria alguns ajustes, e contariam com a ajuda da comunidade, para juntos construírem o Carnaval de 2018

“Foi uma proposta da comissão, que representa a comunidade piataense, para que se diminuísse os custos e a administração pudesse fazer o Carnaval. Hoje, o município de Piatã já sanou todos os seus débitos referentes ao ano de 2017. A economia que seria feita agora, seria um caixa para a administração honrar com o seus compromissos até o final do ano, pois já sabemos que o segundo semestre de 2018, será de muitas dificuldades para os municípios pequenos como nosso, que vivem exclusivamente de repasses dos governos federais e estaduais”, complementa o secretário quando perguntado sobre as escolhas referentes aos ajustes.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

15 anos Lamparinas do Sertão

  A “lamparina” acesa em 17 de julho de 2003 resiste a todas as penúrias …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *