quinta-feira ,21 fevereiro 2019
Página Inicial / Sem categoria / Quatro baianos estão entre desaparecidos na tragédia de Brumadinho

Quatro baianos estão entre desaparecidos na tragédia de Brumadinho

Pelo menos quatro baianos estão entre as pessoas desaparecidas em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte. Até agora, 34 mortes foram confirmadas após o rompimento de uma barragem de rejeitos na cidade, na sexta-feira (25).

Familiares relataram que Ademário Bispo, de 51 anos, Alex Mário Moraes Bispo, 22, Ednilson dos Santos Cruz e George Conceição de Oliveira, cujas idades não foram divulgadas, trabalhavam em uma empresa terceirizada da Vale, que era responsável pela barragem. Os dois primeiros são tio e sobrinho, respectivamente, e trabalhavam como mecânicos de montagem no local há cerca de seis meses.

Segundo informações do G1, os quatro são do município de Santo Amaro, no Recôncavo baiano. Todos residem em Mário Campos, cidade a cerca de 20 minutos de Brumadinho. Desde que saíram para trabalhar na manhã de sexta, eles não fizeram mais contato.

Atualmente, mais de 200 pessoas ainda continuam desaparecidas após a tragédia. Com o rompimento da primeira barragem, outras duas romperam em seguida e há o risco de uma quarta também se romper. Após o alarme de emergência disparado pela Vale (saiba mais aqui), comunidades no entorno começaram a ser evacuadas na manhã deste domingo (27).

Fonte: G1

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Familiares de mortos em Brumadinho rejeitam proposta da Vale

Os familiares dos funcionários da Vale e das empresas terceirizadas que morreram na tragédia de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *