quinta-feira ,23 novembro 2017
Página Inicial / Noticias / SEABRA: Motorista é condenado a dez anos de prisão por matar ex-prefeito de Seabra, Salvandir Rocha

SEABRA: Motorista é condenado a dez anos de prisão por matar ex-prefeito de Seabra, Salvandir Rocha

Foto: Aldo Matos / Acorda Cidade

O motorista de ônibus, Edelzo dos Anjos Tófolo,  foi condenado, nesta terça-feira (7), em Feira de Santana, a dez anos de prisão pela morte do ex-prefeito de Seabra, Salvandir Fernandes Rocha, de 63 anos. Salvandy foi prefeito de Seabra no período de 1983 a 1988, sendo também pai do então ex-prefeito de Seabra, Rochinha. O crime ocorreu em 4 de outubro de 2000, em Seabra, na Chapada Diamantina, por causa do débito referente a um frete de um ônibus que saiu de São Paulo com destino a Irecê, no centro norte baiano. Ao chegar em Seabra, a vítima, Salvandir, cobrou o restante do débito de R$ 3.500,00 (três mil e quinhentos reais). Houve discussão, e o ex-prefeito foi assassinado com diversos tiros.

Nesta terça (07), ao final do julgamento, Edelzo foi condenado a dez anos de prisão. A juíza Márcia Simões Costa determinou que o acusado poderá recorrer da sentença em liberdade, uma vez que já cumpriu oito meses de prisão e já respondia processo em liberdade há 16 anos.

Segundo o Acorda Cidade, o julgamento é um dos dez casos de homicídios previstos para serem julgados em Feira em novembro [Mês Nacional do Júri]. Em toda Bahia, serão mais de 300 casos.  O motorista de ônibus Edelzo dos Anjos Tófolo, de 50 anos, foi condenado no primeiro júri, acusado de assassinar o ex-prefeito de Seabra, Salvandir Fernandes Rocha. (Chapada News com informações do Bahia Notícias)

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Remanso: Ex-prefeito e presidente da Câmara são presos por desvios de R$ 13 milhões

O ex-prefeito de Remanso, no norte baiano, Celso Silva e Souza, o irmão dele, ex-secretário …

Um comentário

  1. DAVID MARTINS FERREIRA

    Quanto vale uma vida?
    Inestimável seria a resposta óbvia, mas, no Brasil, mata-se por quaisquer “merréis, passa-se OITO meses encarcerado e adquire-se, pasmem, o direito de recorrer em liberdade. Como no caso do assassinato ignóbil do Sr.Salvador Rocha….Cabra bom!!!!
    No entanto, uma mãe que Furta uma lata de leite é jogada em um presídio e esquecida pelo Judiciário.
    Que leis são essas? Que país é esse?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *