sexta-feira ,20 outubro 2017
Página Inicial / Política / Secretários exonerados por Rui devem ajudar Temer em votação de denúncia na Câmara

Secretários exonerados por Rui devem ajudar Temer em votação de denúncia na Câmara

Foto: Reprodução

Os secretários de Desenvolvimento Urbano, Fernando Torres (PSD), e de Relações Institucionais, Josias Gomes da Silva (PT) foram exonerados pelo governador Rui Costa para ajudar Michel Temer na Câmara. Os dois devem se abster na votação da denúncia apresentada contra o presidente por corrupção passiva. O acordo foi fechado nesta segunda-feira (31) em reunião com Rui e os deputados federais da sua base aliada.

Em troca, o governo estadual espera que o Palácio do Planalto libere um empréstimo do Banco do Brasil. O recurso estaria sendo barrado por adversários de Rui. Apesar da orientação pela abstenção, o PSD, partido de Fernando Torres, já fechou questão nacionalmente a favor do prosseguimento da denúncia. Em entrevista concedida nesta terça-feira (1º), Josias admitiu a possibilidade de votar pela abstenção. Para ele, a oposição precisa se unir para convocar eleições diretas para presidente. “Tenho clareza de que, se tem que ser julgado, a Justiça vai fazê-lo quando ele concluir o mandato dele ou quando houver um consenso entre as forças que são contra Michel Temer de que o caminho é as eleições diretas”, argumentou o secretário estadual.
“Nós estamos tirando da sociedade o direito de escolher seus governantes”, completou. Josias assegura que Rui compartilha da mesma opinião e cita o DEM como motivo para ajudar Temer na votação. “Ele [Rui] também dialogou com os governadores do PT sobre isso. Você sabe que a recriação do DEM no nordeste interessa àquelas oligarquias que estão lá carcomidas pelo tempo, mas que estão lá ávidas para voltar ao poder”, avaliou. Caso Temer perca o mandato, quem assumiria a presidência seria o atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), aliado do prefeito ACM Neto.(Bahia Notícias)

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Biometria: mais de 2,4 milhões de eleitores baianos podem perder seus títulos

Dos 4,3 milhões de eleitores pertencentes aos 51 municípios em fase obrigatória do procedimento, apenas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *