Página Inicial / Política / Alexandre de Moraes atuou nos bastidores por união de partidos contra voto impresso

Alexandre de Moraes atuou nos bastidores por união de partidos contra voto impresso

Sacramentada no último sábado (26), a união de 11 partidos contra a proposta do voto impresso no Brasil contou com a atuação do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), nos bastidores, segundo a Folha.

De acordo com a publicação, na segunda-feira (21), durante jantar, ele afirmou a Bruno Araújo (PSDB), Paulinho da Força (Solidariedade), Baleia Rossi (MDB) e Orlando Silva (PC do B) que seria melhor que a questão não chegasse ao STF, pois isso geraria mais desgaste entre a corte e Jair Bolsonaro, que tem o voto impresso como bandeira.

Após o apelo, os presidente se dividiram para buscar seus pares e chegaram ao time composto por partidos de posições políticas variadas, incluindo aliados de Bolsonaro: PSDB, MDB, PP, DEM, Solidariedade, PL, PSL, Cidadania, Republicanos, PSD e Avante.

O conteúdo ressalva que a eventual aprovação da PEC do voto impresso no Congresso dificilmente deixaria de ser judicializada, obrigando o STF a se manifestar. Com o sucesso do esvaziamento da pauta, articulado por Moraes, ela não chegaria à corte. Moraes será o presidente do TSE nas eleições de 2022.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Chapada: Prefeitura de Lençóis anuncia que vai promover consulta pública para a elaboração de um novo Plano Plurianual

No último dia (13), a prefeitura da cidade de Lençóis na região da Chapada Diamantina, …