sábado ,27 novembro 2021
Página Inicial / Saúde / Após 15 anos, caso de raiva em bovino é registrado em cidade do interior da Bahia

Após 15 anos, caso de raiva em bovino é registrado em cidade do interior da Bahia

Um novo caso de raiva em bovino foi registrado no município de Queimadas, no centro-norte da Bahia. A cidade não tinha registro da doença em animais há 15 anos. O caso foi confirmado após exames realizados pelo Laboratório Central, da Bahia. Depois disso, a Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB) iniciou monitoramento na propriedade onde o animal que está doente foi encontrado, bem como outros locais da região.

De acordo com o G1, a ADAB também notificou o Centro de Controle de Zoonoses do município, para iniciar um trabalho educativo e estimular as notificações e a vacinação, que é obrigatória, em animais de outras propriedades de Queimadas. O ser humano pode contrair a doença em caso de contato com o bovino contaminado. O vírus se hospeda na urina, fezes e sangue dos animais infectados. No ano passado, quatro pessoas morreram de raiva em todo país, de acordo com o Ministério da Saúde. Mesmo com a confirmação do caso da doença, a comercialização de carne segue liberada no município porque a maioria dos produtos tem selo de inspeção, conforme a ADAB. No ano de 2020, foram registrados 27 casos da doença na Bahia. Já este ano, são 28, até está quinta-feira (28). Segundo dados do IBGE, o município de Queimadas possui rebanho de 38.217 bovinos.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Chapada: Seabra e Itaberaba têm leve aumento na taxa de ocupação dos leitos de UTI Covid-19

Apesar de controlados, as taxas de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva e …