sábado ,23 janeiro 2021
Página Inicial / Saúde / Bahia chega a de 500 mil infectados pela Covid-19 e pandemia não dá sinais de trégua

Bahia chega a de 500 mil infectados pela Covid-19 e pandemia não dá sinais de trégua

Meio milhão de casos registrados de Covid-19 no estado: esta é a barreira que a Bahia ultrapassou nesta quarta-feira (6), de forma oficial, segundo o boletim epidemiológico da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) (leia mais aqui). A marca foi atingida, precisamente, 10 meses após o primeiro caso notificado no estado, no dia 6 de março de 2020, em Feira de Santana, quando uma mulher de 34 anos, vinda da Itália, testou positivo para o vírus.

São 10 meses de histórias interrompidas, embate entre a gestão estadual e o governo Bolsonaro e tentativas do poder público de conter, de forma fracassada, as aglomerações que disseminam um dos vírus mais perigosos da história da humanidade. Enquanto a pandemia segue fazendo vítimas, minando a economia e lotando leitos em todo o estado, a vacina ainda é uma incógnita e a crise não dá sinais de que vai embora tão cedo.

Caso os infectados fossem colocados em uma única localidade, lotariam 415 dos 417 municípios do estado. Isto porque apenas duas cidades na Bahia possuem mais de 500 mil habitantes: Salvador, com 2.872.347, e Feira, com 614.872. Os números são alarmantes e significativos. Esta pandemia fica para a história da Bahia, do Brasil e do mundo. Abaixo, confira a linha do tempo histórica da crise do novo coronavírus no estado.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Primeiro vacinado de Valença se assusta com agulhada.

  O primeiro cidadão a ser vacinado contra a Covid-19 em Valença, interior da Bahia, …