segunda-feira ,26 outubro 2020
Página Inicial / Noticias / Chapada: Manifestantes fecham trecho da BA-148 entre Seabra e Piatã

Chapada: Manifestantes fecham trecho da BA-148 entre Seabra e Piatã

A tão prometida paralização aconteceu na manhã de hoje(29), por volta das 07h da manhã no entroncamento do povoado de Jatobá (Seabra). A princípio um grupo de Boninal, que estava à frente da paralização, não havia reunido a quantidade de pessoas o bastante para seguirem em direção a BR 242 as 05h da manhã.  Assim, parte desse grupo seguiu em direção a paralização que acontece no entroncamento do povoado de Jatobá.

 

Já durante a tarde a manifestação aconteceu na cidade de Piatã no km 91. Um áudio circulou na rede social falando sobre o movimento.

“Galera é o seguinte. A Ba 148 km 91 ou 92. Pra ser mais exato, em frente ao colégio que está construindo tá fechado, o povão lacrou, ninguém soube, ninguém desce. Quem tiver querendo subir pra Piatã de Abaíra pode ficar ai, não sobe. E quem tiver querendo descer também pode ficar por aqui. Ba 148 lacrada ponta a ponta em três trechos Piatã, Boninal e no entroncamento de Seabra”.

Na realidade a paralização aconteceu pela manhã ne entrada da comunidade de Jatobá (povoado de Seabra). Os manifestantes que reuniram em Boninal com o objetivo de paralisar a 242, não conseguiram reunir o número de participantes e desistiram. No final se juntaram ao grupo de Seabra, que se reuniram na Ba 148 próximo a saída de Jatobá.

Considerada um local onde acontecem muitos acidentes, muito deles com vítimas fatais, a exemplo do que ocorreu no dia 06 de maio deste ano, onde um senhor conhecido por Alexandrino, morador do povoado de Baixão Velho (Seabra), colidiu com sua moto de frente com um Voyage, nas proximidades da entrada para o povoado de Serra do Queimadão. A vítima retornava para sua casa pela rodovia, quando foi desviar dos buracos da pista colidiu de frente com o carro. O motociclista morreu na hora. No carro, um Voyage estavam três ocupantes e todos escaparam sem ferimentos. (Relembre aqui).

A BA 148 apresenta buracos em toda sua extensão, e há trechos da rodovia que, de fato, tem mais buracos do que asfalto. São buracos imensos que representa grande perigo e que se agrava ainda mais numa estrada que não possui acostamento. Diversos acidentes já foram relatados de carros que ao desviar dos buracos são jogados para o acostamento, mas, como os mesmos inexistem, os veículos caem direto nas ribanceiras laterais.

Esse protesto é para chamar a atenção do governador Rui Costa. Os manifestantes enviaram fotos de trechos da BA e criticam a morosidade para se resolver a situação. “Com as chuvas do período, a referida via está completamente intransitável. Além dos prejuízos causados nos veículos de quem trafega pelo local, são comuns os acidentes”, completa outro manifestante, via rede social.

A BA-148 é uma rodovia que percorre a Chapada Diamantina do sul ao norte. Começa na cidade de Brumado passando próximo a Dom Basílio, dentro de Livramento de Nossa Senhora, Rio de Contas, Jussiape, Abaíra, Piatã, Boninal e termina conectando-se à rodovia BR-242.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Ibotirama-BA registra mais um óbito por Covid-19

Mais uma morte por Covid-19 foi registrada em Ibotirama. O óbito aconteceu na segunda-feira (19), …

Deixe uma resposta