quarta-feira ,21 fevereiro 2024
[adsanity_group align='alignnone' num_ads=1 num_columns=1 group_ids=309]
Página Inicial / Justiça / Região de Irecê: Por indícios de ilegalidade, Justiça cancela processo seletivo para agente comunitário de saúde em João Dourado

Região de Irecê: Por indícios de ilegalidade, Justiça cancela processo seletivo para agente comunitário de saúde em João Dourado

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) cancelou o processo seletivo para agente comunitário de saúde na cidade de João Dourado, na Chapada Velha,  por indícios de ilegalidade. O cancelamento ocorreu a pedido do Ministério Público da Bahia (MP-BA).

O MP-BA teve notícia do caso a partir de uma representação feita pela Câmara de Vereadores. Os edis informaram que além dos indícios de ilegalidade, o edital do processo seletivo continha inconsistências no prazo inscrição e interposição de recursos e entrega de títulos.

Os vereadores também apontaram a falta de clareza quanto ao tipo de provimento dos cargos. O MP-BA recomendou que a prefeitura fizesse as retificações do edital, mas o prefeito só corrigiu parte das irregularidades.

De acordo com o Ministério Público, foram mantidas as mais graves, como o curto prazo para inscrição no concurso e o formato presencial nas dependências da prefeitura municipal para o candidato efetivar a inscrição.

A Prefeitura de João Dourado comunicou a suspensão do processo seletivo nas redes sociais e disse que, até que haja uma liberação judicial, não será realizado o concurso.

Fonte: G1

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Bahia registra terceira morte por dengue.

Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil O estado da Bahia registrou a terceira morte decorrente …

[wp_bannerize group="Banner Rodapé" random="1" limit="1"]