segunda-feira ,4 março 2024
[adsanity_group align='alignnone' num_ads=1 num_columns=1 group_ids=309]
Página Inicial / Notícias / Chapada: Preso por matar mais de 20 pessoas na Bahia é argentino e atua desde os 13 anos

Chapada: Preso por matar mais de 20 pessoas na Bahia é argentino e atua desde os 13 anos

Um argentino foi preso em Minas Gerais nesta quarta-feira (18) após ser investigado por matar mais de 20 pessoas em diversas cidades da Bahia. Os crimes ocorreram em anos diferentes.

O homem se chama Vitor Gabriel da Silva Amaral e realizou mortes em vários municípios do estado, como Várzea da Roça, São José do Jacuípe, Várzea do Poço, Serrolândia, Jacobina, Caldeirão Grande e Saúde. Em 2021, o argentino matou duas pessoas na cidade de Mairi, no norte da Bahia.

De acordo com a Polícia Civil, o homem já fugiu para outros estados após cometer crimes, como Ceará, Goiás e São Paulo. Segundo o delegado Paulo Victor Muniz Ferreira Magalhães, titular da Delegacia de Mairi, o argentino praticava homicídios desde os 13 anos. “Ele é membro de uma organização criminosa com atuação no tráfico de drogas na região da Bacia do Jacuípe e na Chapada Diamantina”, explica.

Para localizar o fugitivo, policiais de Minas Gerais, Distrito Federal trabalharam em conjunto com a 91ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Capim Grosso). Ele será encaminhado de volta à Bahia e ficará custodiado à disposição do Poder Judiciário.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Seabra: Projeto mobiliza alunos para enfrentamento da violência digital no Colégio Estadual de Campo Filinto Justiniano Bastos

Assuntos como fake news, autoimagem e cyberbulling são debatidos pelos estudantes Assuntos como fake news; …

[wp_bannerize group="Banner Rodapé" random="1" limit="1"]