quarta-feira ,18 maio 2022
Página Inicial / Educação / #Chapada: TJ-BA considera ilegal e determina suspensão imediata de greve dos professores de Boa Vista do Tupim

#Chapada: TJ-BA considera ilegal e determina suspensão imediata de greve dos professores de Boa Vista do Tupim

Greve dos professores deflagrada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação do município de Boa Vista do Tupim, na Chapada Diamantina, foi considera ilegal e abusiva pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) nesta terça-feira (22). A decisão aconteceu após ação da prefeitura administrada pelo prefeito Helder Lopes Campos, o popular ‘Dinho’ (PSDB).

Publicidade

A notícia foi confirmada pela assessoria da prefeitura municipal que aponta que o tribunal analisou e concedeu a tutela antecipada “que declara ilegal e abusiva” a greve dos profissionais. Foi determinada a imediata suspensão e o retorno da categoria aos seus locais de trabalho.

O TJ-BA ainda aponta que o descumprimento da medida está sob pena de multa diária no valor de R$5 mil até o limite de R$100 mil, além do corte do ponto daqueles faltantes. Essa decisão foi proferida nos autos do processo: n° 8009554-36.2022.8.05.0000.

Jornal da Chapada

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Seabra: Pais de alunos pedem volta de aulas em impasse entre prefeitura e professores

Um grupo de pais de estudantes da rede municipal de Seabra, na Chapada Diamantina, se …

No Banner to display

Vídeo Destaque

Previsão