segunda-feira ,4 março 2024
[adsanity_group align='alignnone' num_ads=1 num_columns=1 group_ids=309]
Página Inicial / Bahia / Estudantes de Itaberaba desenvolvem aplicativo que facilita o descarte de material reciclável.

Estudantes de Itaberaba desenvolvem aplicativo que facilita o descarte de material reciclável.

Você já pensou para onde vai o lixo produzido diariamente? Essa questão é crucial, pois a geração de resíduos impacta o meio ambiente e a vida da sociedade. Segundo o Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento, a Bahia gerou 4,21 milhões de toneladas de resíduos sólidos urbanos em 2021. Logo, entender como fazer o descarte adequado e valorizar as profissões responsáveis é essencial. Por isso, a Liga de Jovens Baianos de Itaberaba, através das estudantes Ana Carla Oliveira e Lívia Paiva, sob orientação de Paulo Vinicius, desenvolveu um aplicativo para facilitar o descarte de resíduos, conectando a população, os catadores e o poder público de Itaberaba.
O Cataita Reciclaê foi elaborado pelas estudantes do ensino médio da rede pública utilizando linguagens de programação como Python e Java. “As principais funcionalidades do software são conectar o coletor de resíduos com quem os produz e vice-versa. Também é possível selecionar o tipo de material e a quantidade que deseja entregar, deixando mais simples e prático possível. As ferramentas do aplicativo propõem sanar dúvidas, direcionando o material a um local correto, facilitando o trabalho de coleta”, diz o orientador.
Paulo explica como funciona o processo de coleta dos resíduos através do software. “O aplicativo tem o papel de direcionar o material a um coletor que esteja familiarizado com o resíduo que está sendo entregue. No sistema, existe a opção de selecionar o meio de transporte que o coletor utiliza. Esta funcionalidade permite que os materiais designados possam coincidir com o meio de transporte. Por fim, o destino do produto é a Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Itaberaba”.
De acordo com os desenvolvedores, a plataforma tem capacidade de apoiar as prefeituras e o governo ao fornecer dados e insights essenciais sobre a coleta de resíduos recicláveis na região. “Ao fornecer informações sobre a quantidade de materiais recicláveis coletados, o aplicativo ajuda as autoridades a monitorarem e avaliarem o impacto das iniciativas de reciclagem. O sistema pode facilitar a comunicação entre os catadores, as prefeituras e a população. Além disso, dá visibilidade e valoriza os catadores de reciclagem da região”.
O aplicativo, que está na etapa de finalização, também conta com o apoio do Núcleo de Cidadania dos Adolescentes de Itaberaba (Nuca), da secretaria municipal da região e do Comitê Ita sem Plástico. A Liga de Jovens Baianos de Itaberaba faz parte da liga estadual, que tem a participação de 51 estudantes. O objetivo desses alunos é impulsionar o projeto para outras cidades da Bahia. No momento, a equipe busca patrocínio para participar da conferência da Liga de Jovens Baianos, um evento voltado para a juventude e inovação, que será realizado do dia 05 a 07 de março de 2024 em Salvador.
Bahia Faz Ciência
Com informações da Secretaria de Ciência, Inovação e Tecnologia da Bahia

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Virou moda: vereadores saem no tapa em Mundo Novo

Depois da porradaria na Câmara Municipal de Lauro de Freitas, os vereadores de Mundo Novo, na …

[wp_bannerize group="Banner Rodapé" random="1" limit="1"]