domingo ,5 fevereiro 2023
Página Inicial / Chuvas / Fortes chuvas deixam pelo menos 42 mortos em oito Estados do Brasil

Fortes chuvas deixam pelo menos 42 mortos em oito Estados do Brasil

As fortes chuvas que atingem o Brasil nas últimas semanas deixaram até esta terça-feira, 27, ao menos 42 mortos em oito Estados. Os óbitos ocorreram na BahiaEspírito SantoMinas GeraisParanáRio de JaneiroSergipeSanta Catarina e em São Paulo. No território baiano há, até o momento, uma vítima fatal. Além disso, 24.923 pessoas ficaram desalojadas, ou seja, foram obrigadas a deixarem as casas, e 2.220 desabrigadas. A Bahia é o Estado com o maior número de municípios afetados pelas fortes chuvas, com 111. O Espírito Santo registrou duas mortes. De acordo com informações divulgadas pelo governo estadual na segunda-feira, 26, 1.243 pessoas ficaram desalojadas e 495 desabrigadas. Minas Gerais, por sua vez, tem o maior número de óbitos até o início da noite desta terça-feira: 13. Inclusive, em um dos casos mais recentes, a Defesa Civil informou que três mulheres foram encontradas sem vida após um deslizamento de terra que atingiu quatro residências durante a madrugada do domingo, 25, no município de Antônio Dias, no Vale do Rio Doce. O Estado também tem 7.407 pessoas desalojadas e 1.507 desabrigadas. Assim como Minas Gerais, Santa Catarina registrou um elevado número de mortes devido os temporais. Ao todo, foram confirmados 11 óbitos até o último dia 20. No Paraná, duas pessoas morreram devido as fortes chuvas – há 165 desalojados e ao menos 13 desabrigados. Outros dois óbitos foram registrados no Estado de Sergipe.

No Rio de Janeiro, os temporais deixaram pelo menos quatro vítimas fatais. Em São Paulo, maior Estado do país, foram contabilizadas, até o momento, seis mortes, 367 pessoas desalojadas e outras 17 desabrigadas. A Defesa Civil do Estado emitiu um alerta para chuvas intensas acompanhadas de raios, granizos e fortes rajadas de vento a partir desta terça-feira, 27. De acordo com o órgão, o alerta de temporal permanece até a sexta-feira, 30. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), as regiões Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste do país deverão ser atingidas por chuvas intensas, acompanhadas de rajadas de vento durante a última semana de 2022. No Nordeste, a chuva deverá ocorrer de forma mais isolada na faixa leste da região. No Sul do país, as chuvas devem durar somente até sexta-feira, predominando o sol nos últimos dias do ano. Já na região Norte, as altas temperaturas vão continuar, com possibilidade de chuvas no final da tarde.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

CHAPADA: Moradores se emocionam ao falar dos desabamentos e enchentes, em Jacobina

As chuvas causaram danos e deixaram desabrigados em Jacobina, Chapada Norte. Um casa onde moram …