terça-feira ,5 março 2024
[adsanity_group align='alignnone' num_ads=1 num_columns=1 group_ids=309]
Página Inicial / Esporte / Justiça dispensa depoimento da mãe da denunciante de Daniel Alves.

Justiça dispensa depoimento da mãe da denunciante de Daniel Alves.

Cerca de 21 pessoas devem testemunhar em depoimento, nesta terça-feira (6), no segundo dia de julgamento de Daniel Alves. A princípio, mais uma seria ouvida, porém a Justiça dispensou o depoimento da mãe da mulher que afirma ter sido estuprada pelo brasileiro. A decisão ocorreu após o Tribunal de Justiça espanhol ouvir a amiga e a prima dela.

A dupla estava ao lado da suposta vítima, atualmente com 24 anos, na noite em que ela alega ter sido abusada por Daniel Alves. O julgamento deve começar por volta das 11h (horário de Brasília). Por outro lado, a esposa do jogador, Joana Sanz, deve estar entre os primeiros depoimentos do dia, conforme informações divulgadas pelo portal UOL.

Existe a hipótese de que ela apresente a versão feita pela defesa, em que o jogador estaria embriagado na noite do caso. Outros quatro amigos do brasileiro também serão ouvidos.

Além disso, o diretor da boate Sutton, dois seguranças, um amigo da denunciante e 12 policiais que estiveram na situação devem depor também na tarde desta terça. Devido a quantidade de testemunhas, os juízes e advogados podem ampliar a duração do julgamento até a noite, situação incomum na Espanha.

Com informações do BNews

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

STF tem estreia de Dino na 1ª Turma e recursos contra anulação de provas do acordo da Odebrecht

Na Primeira Turma, o destaque é a estreia do ministro Flávio Dino em uma sessão …

[wp_bannerize group="Banner Rodapé" random="1" limit="1"]