segunda-feira ,28 setembro 2020
Página Inicial / Noticias / Lençóis ensaia a retomada do seu turismo local, visitantes devem apresentar testes para COVID-19

Lençóis ensaia a retomada do seu turismo local, visitantes devem apresentar testes para COVID-19

A pandemia não terminou na cidade de Lençóis localizada na região da Chapada Diamantina e muito menos no mundo, mas com base em parâmetros sanitários e cientifico a cidade chapadeira ensaia o retorno da sua principal atividade econômica que é o turismo local.

Essa informação foi vinculada na última quarta-feira (19), pela prefeitura municipal da cidade, onde na ocasião foi informado os protocolos a serem seguidos para reabertura gradual do turismo local, para empresas prestadores de serviços ligadas diretamente à presença do turista.

Os requisitos já constam no Diário Oficial, no decreto nº 153/2020. Dentre as exigências estão que os visitantes deverão apresentar o resultado de teste para COVID-19 e reserva prévia de hospedagem.

Segundo a secretária municipal de Turismo e Cultura, Roberta Ferraz, “todos os esforços são para que a reabertura aconteça no dia 1º de setembro.” Ela prevê o grande fluxo de visitantes no feriado, com a cidade iniciando sua experiência no enfrentamento ao novo coronavírus na atividade turística.  A instituição municipal informa ainda que os estabelecimentos já podem solicitar vistorias da Vigilância Sanitária pelo e-mail vigilanciasanitarialencois@gmail.com com envio anexo do último alvará de funcionamento, do último alvará sanitário e do Cadastur (quando se aplicar).

Caso a empresa não tenha algum desses documentos, isso deverá ser informado na mensagem. São estes os estabelecimentos orientados pelo decreto 153: meios de hospedagem e camping, casas de temporada, gastronomia, agências de turismo e operadores turísticos, serviços de transporte, atrativos turísticos, guias de turismo e condutores de visitantes, eventos, feiras de artesanato.

Assim que terminar a primeira fase de vistorias, serão analisados os serviços que poderão ser oferecidos e as restrições. Nessa fase de reabertura, os estabelecimentos deverão adotar medidas para que funcionários, prestadores de serviços, fornecedores e clientes cumpram as legislações vigentes para combate aos efeitos da pandemia decorrente do novo coronavírus.

Entre as medidas estão zelar pelo uso obrigatório de máscara, Aferição frequente da temperatura, disponibilizar insumos para correta higienização das mãos e intensificar a limpeza das superfícies e objetos.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Adolescente de 16 anos morre afogado em lagoa de Macaúbas

Um adolescente de 16 anos, identificado como Jeferson Henrique Santana Silva, morreu afogado na Lagoa …