Página Inicial / Economia / Militar da reserva custa 17 vezes mais ao Tesouro que um aposentando do INSS

Militar da reserva custa 17 vezes mais ao Tesouro que um aposentando do INSS

O gasto do governo para cobrir o rombo no sistema de proteção social dos militares em 2019 foi 17 vezes maior ao gasto com um trabalhador do setor privado que se aposenta pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Os dados foram divulgados pelo Tesouro Nacional nesta segunda-feira (6).

Segundo as informações, foram gastos, em média, R$ 121,2 mil para cobrir o rombo de cada militar. No caso dos beneficiários do INSS, o valor foi de R$ 6.900. Para cada servidor público, o gasto médio foi de R$ 71,6 mil.

No total, de acordo com o UOL, o Tesouro teve que cobrir um rombo de R$ 318,4 bilhões em gastos previdenciários no ano passado.

O Tesouro também comparou a renda dos militares na reserva com a dos demais aposentados. A remuneração média dos militares que estão na reserva (R$ 128,2 mil por ano) é mais de seis vezes a de um aposentado do INSS (R$ 20,4 mil por ano).

O servidor público aposentado recebe, em média, R$ 116,4 mil por ano. A renda média do brasileiro, em geral, é de R$ 17,3 mil por ano.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Região de Irecê: Mais de 600 quilos de drogas são incinerados em Itaguaçu da Bahia nesta quinta-feira, 06

Mais de 600 quilos de entorpecentes, apreendidos pelas Polícia Civil e Militar, foram incinerados na …