quarta-feira ,5 outubro 2022
Página Inicial / Concursos / Palmeiras: Projeto Social promove 2° Encontro de Lideranças e Voluntários e 2° Concurso Miss Quilombola da Chapada Diamantina

Palmeiras: Projeto Social promove 2° Encontro de Lideranças e Voluntários e 2° Concurso Miss Quilombola da Chapada Diamantina

Aconteceu no último domingo de agosto (28), no clube Diamantina Fest, cidade Chapadeira de Palmeiras, o 2° Encontro de Lideranças e Voluntários realizado pelo Projeto Social Índio Gladiador. O qual teve como parceiros o Projeto Amor ao Próximo de Londres, ação Social David Luiz, Márcio Móveis, Ágil Seabra e Danton Supermercado e todos os parceiros e comunidades Quilombolas e voluntários.

Segundo a organização do evento foi um dia especial, onde várias lideranças locais e nacionais se encontraram para celebrar esse tema tão importante para a transformação da sociedade: O VOLUNTARIADO. Foram apresentadas diversas manifestações culturais, danças, cânticos, literatura, e artesanato de várias comunidades quilombolas da Chapada Diamantina.

No evento ocorreram palestras com Nelci Novais, escritora e historiadora, Tito Lobo, artista Naif Paraibano, Rosângela Politano, artista Naif SP, e Fabiana  Mota Representante Gerando Falcões. Nas mesas redondas foram discutidos temas como: geração de renda, combate a fome, empreendedorismo social e fortalecimento das comunidades.

O objetivo principal do evento foi a valorização dessas comunidades assim como o aumento da auto estima das mulheres quilombolas. Já que o evento foi encerado com a segunda edição do Concurso Miss Quilombola Chapada Diamantina.

Na fase de pré seleção do Concurso Miss Quilombola Chapada Diamantina, foram inscritas quarenta e quatro candidatas, que foram analisadas pelo corpo de jurados técnicos e pelo votação através das sedes. Dessas quarenta e quatro foram selecionadas vinte e três para desfilar no evento. Participaram do evento belas meninas de vinte e duas comunidades quilombolas chapadenses.

Em primeiro lugar ficou Maria Vitória da Comunidade Tejuco, em Palmeiras, a premiada além do prêmio de R$ 500,00, levou troféu e faixa de Miss, em segundo lugar ficou Daiane Oliveira Nepomuceno, da cidade de Ruy Babosa, que levou o prêmio de R$ 300,00, troféu e faixa de Miss, no terceiro lugar ficou a Tais Borges, da cidade Bonito, está levou RS 100,00 mais troféu e faixa de miss. E a pequena Raquel de 6 anos de idade da cidade de Lençóis, foi premiada com R$ 100,00, mais troféu e faixa de Miss Mirim

“Conseguimos atingir nossas metas e objetivos em relação a realização do evento. Porém nossa meta é mais ambiciosa, que é a realização do concurso miss quilombola Bahia”, ressaltou a Organização do evento.

Chapada News.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Erros grosseiros de pesquisas eleitorais detonam credibilidade de institutos  

  As diferenças abissais entre os resultados reais da eleição deste ano e aqueles projetados …