quinta-feira ,30 junho 2022
Página Inicial / Economia / Produtos seguem diminuindo tamanho, e qualidade também cai, dizem clientes

Produtos seguem diminuindo tamanho, e qualidade também cai, dizem clientes

Além da inflação nos supermercados, o consumidor tem enfrentado a redução do tamanho das embalagens dos produtos. Isso também é uma inflação disfarçada: o preço não sobe, mas você paga o mesmo valor por menos produto. O fenômeno já acontece há um tempo, mas consumidores reclamam nas redes sociais de que parece estar piorando e também afeta a qualidade dos produtos. Manteiga misturada com margarina, leite e leite condensado com composto lácteo em vez de leite puro são alguns exemplos citados.

O UOL visitou alguns supermercados no interior de São Paulo e constatou várias mudanças. Sabão em pó, que deixou de pesar 1kg para ter apenas 800g, embalagens de molho de tomate que foram reduzidos de 150g para 120g, latas de ervilha que também estão menores. A dona de casa Márcia Ribeiro Santana, 48, notou que as compras estão cada vez menores. “Antes eu saía com um carrinho quase cheio, e dava R$ 300, R$ 400. Hoje, com esse mesmo valor, eu não encho nem o fundo do carrinho”, lamenta. Como só o marido trabalha, ela teve que tentar adaptar alguns gostos da família. E viu alguns produtos com composições diferentes.

“Vi uma manteiga que diz que é uma mistura de manteiga e margarina, mas o preço é tão alto quanto o da manteiga normal”, exemplifica. A reclamação também aparece nas redes sociais.
E não é só isso. Começaram a aparecer nas prateleiras vários produtos que “são, mas não são”.
Exemplo: um leite condensado, chamado Moça Pra Toda Família explica que, na verdade, é uma mistura láctea condensada de leite, soro de leite e amido — enquanto o Moça original é de leite condensado integral. (UOL)

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Bahia deve receber 69 novos parques eólicos até 2026

As empresas do setor elétrico preveem contar com mais de R? 8 bilhões para iniciar …