segunda-feira ,15 agosto 2022
Página Inicial / Polícia / Responsáveis por ataques a bancos e tráfico de drogas são alvos da polícia em Salvador

Responsáveis por ataques a bancos e tráfico de drogas são alvos da polícia em Salvador

Divulgação / Polícia Civil

Responsáveis por explosões de bancos e tráfico de drogas são alvos de mais um desdobramento da Operação Cangalha, nesta sexta-feira (1º), em três bairros de Salvador. A ação foi deflagrada pelo Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), com apoio da Coordenação de Operações Especiais (COE).

Segundo a polícia, um homem acusado de ter violado o uso de tornozeleira eletrônica por utilizar o equipamento descarregado, e que responde por homicídio e tráfico de drogas foi alvo de um mandado de prisão preventiva, na comunidade do Milho, no bairro do IAPI, nesta manhã. Ainda de acordo com a polícia, ele também é suspeito de roubos a bancos e veículos no interior e na capital.

De acordo com o diretor do Draco, delegado José Bezerra Júnior, as investigações identificaram possível atuação interestadual de organizações criminosas na região Nordeste. “O compartilhamento de informações entre as polícias dos estados desta região do país é fundamental para identificação dos grupos criminosos em diferentes estados e para chegarmos às capturas destes integrantes”, afirma.

Segundo o delegado Odair Carneiro, coordenador da Coordenação de Repressão a Crimes Contra Instituições Financeiras do Draco, os alvos da operação são remanescentes de grupos que atacaram instituições financeiras na Bahia. “Tratam-se de integrantes de quadrilhas já desarticuladas, responsáveis pelos últimos ataques a bancos em Salvador e interior do estado, que também atuavam no tráfico de drogas”, destacou.

A Operação Cangalha, coordenada pela Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (SEOPI-MJ), iniciada em setembro e realizada por Polícias Civis de diversos estados do Nordeste, tem o objetivo de combater organizações criminosas que atuam nos ataques a instituições financeiras, homicídios, narcotráfico, sequestro e corrupção.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Luís Eduardo Magalhães: Homem é morto a tiros enquanto jogava sinuca em bar

Um homem foi morto a tiros na noite desta sexta-feira (12), enquanto jogava sinuca em …