[adsanity_group align='alignnone' num_ads=1 num_columns=1 group_ids=309]
Página Inicial / Entretenimento / SEABRA: Game real, Airsoft Esporte, aconteceu nesse domingo em Seabra; no enredo: Coronel, Capangas e o Vilão com seu Bando

SEABRA: Game real, Airsoft Esporte, aconteceu nesse domingo em Seabra; no enredo: Coronel, Capangas e o Vilão com seu Bando

FOTO: Reprodução/Chapada News

Neste domingo (2), a cidade de Seabra, na Chapada Diamantina, recebeu a modalidade esportiva de simulação militar AirSoft. Um Game em tempo real. Foi a primeira operação na cidade, denominada “Operação Ouro de Tolo”. O esporte envolve enredo (uma história) com alguns objetivos.

Airsoft é um esporte de simulação de combate relativamente novo, semelhante em muitos aspectos ao paintball, mas com algumas diferenças importantes. O mais importante é o uso de armas de airsoft que são basicamente armas bb de nível esportivo, semelhantes às pequenas armas de plástico que você tinha quando criança, mas feitas em escala e peso completos para uso competitivo e de simulação para militares para treinar e civis para jogar Airsoft.

O esporte iniciou no Japão e se espalhou pelo mundo. Em Seabra, foi trazido através de Tisso, o Barbeiro e o Policial Militar Cleiton e já está a seis meses na cidade. No domingo foi a primeira operação do Airsoft e recebeu participantes de Brumado, Cascavel (distrito de Ibicoara), Barra da Estiva, Ibotirama, Barreiras, Luiz Eduardo Magalhães, Ilhéus, Itabuna e Potiraguá.

Na “Operação Ouro de Tolo” realizada neste domingo, foi criado um enredo onde havia um vilão chamado ‘Dente de Ouro’ que, com o seu bando, iam invadir as terras do ‘Coronel Moisés’. Porém, o Coronel tinha seus Capangas, que entraram em combate com o bando de Dente de Ouro.

Dentro desse enredo algumas pessoas são qualificadas como VIPs, e se algum Vip fosse capturado a equipe que capturou ganharia 1000 pontos dentro do Game. Eram Vips: a esposa de Dente de Ouro, o chefe do Pelotão, “Tonho Vermelho”. Do lado do Coronel, sua esposa também era VIP, assim como o Capanga Chefe. A vitória ficou com a Equipe Azul.

“O intuito é tornar o esporte na nossa cidade e na Chapada Diamantina, mais popular. Nesse esporte todas as pessoas podem participar, não é para pessoas do serviço de segurança pública. Quem quiser participar, conhecer o grupo dos Compadres, procurem Cleiton. É show”, pontua Rauri, um dos organizadores.

A pretensão dos organizadores é criar um calendário fixo com esse esporte na cidade. Eles também esclarecem que a atividade é toda oficializada junto às autoridades policiais, visto que o game acontece com simuladores de armas, chamadas pelos participantes de ferramentas do game, e também usando roupas camufladas, padrão parecido com a do Exército Brasileiro.

Chapada News

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Seabra: Mulher que foi atropelada em Seabra na BR 242, era de Macajubá; familiares falaram JDM

Um triste atropelamento ocorrido na última quarta (28), na BR 242, em Seabra, ceifou a …

[wp_bannerize group="Banner Rodapé" random="1" limit="1"]