quarta-feira ,10 agosto 2022
Página Inicial / Noticias / SEABRA: Pacientes denunciam precariedade em ambulâncias do Hospital Regional da Chapada; Direção explica situação e anuncia providências

SEABRA: Pacientes denunciam precariedade em ambulâncias do Hospital Regional da Chapada; Direção explica situação e anuncia providências

Pacientes que foram transportados nas ambulâncias do Hospital Regional da Chapada, que fica em Seabra, na Chapada Diamantina, denunciam que os veículos se encontram em total estado de precariedade, aparentemente sem manutenção nenhuma, colocando a vida dos passageiros em risco. Direção do Hospital reconhece a precariedade e anuncia providências.

Segundo a denúncia, numa ambulância, que leva e traz até quatro pessoas em constantes viagens, é evidente a má conservação dos pneus dianteiros e também a da suspensão que está muito ruim. Um dos amortecedores está estourado, o que ocasiona o risco de o carro puxar a direção em uma curva, podendo causar acidente, e colocar os passageiros em risco.

Devido a estes problemas, o carro está pulando muito, fazendo com que o paciente que está na maca, sinta todo o impacto desconfortável e por muitas vezes doloroso. Além desses problemas mecânicos, na parte traseira interna, onde fica o paciente, não há ar condicionado ou qualquer outra forma de ventilação, causando muito calor e mal estar no paciente.

“A ambulância está sem estrutura nenhuma, sem ar condicionado, maca solta, improvisada, que estava sacolejando muito. Bem antes do Zuca, meu filho começou a passar mal, com os sacolejos…o motorista com toda educação, veio quase parando para ajudar ele”, desabafa a mãe de um paciente, que ainda reforçou que por conta disso a viagem foi péssima, cansativa e muito lenta.

Em contato com o Hospital da Chapada, a diretoria reconheceu a reclamação e assume que, de fato, as duas ambulâncias das quais dispõe precisam mesmo de manutenção. A direção explica que o Hospital está em ritmo acelerado de entrada e saída de pacientes, ocasionado uso ininterrupto dos veículos. As ambulâncias chegam de uma viagem, apenas trocam de motorista e pegam a estrada novamente.

Diante desse vai e volta incessante das ambulâncias, não é possível parar com os transportes e coloca-las em manutenção. Para resolver o problema, paliativamente, a Fundação Fabamed, que administra o hospital desde 2020, decidiu alugar uma ambulância ainda esta semana, para que então seja possível colocar uma ambulância em manutenção de cada vez.

A Direção ainda esclarece que o Hospital necessita de mais duas ambulâncias, por isso fez duas solicitações pedindo mais dois novos veículos ao governo do estado. Foi apresentada ao Chapara News uma solicitação datada de 18 de novembro e outra do dia 19 de novembro de 2021. Entretanto, até presente data, o governo do estado não havia dado nenhuma posição. Veja video:

Chapada News

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Seabra: Igreja Católica recebe relíquia de primeiro grau da Santa Irmã Dulce dos pobres

Aconteceu nesse Primeiro Domingo de Agosto (7), na igreja do Bom Jesus em Seabra, a …