quarta-feira ,27 maio 2020
Página Inicial / Noticias / Seabra: Prefeitura decreta estado de calamidade pública em decorrência do coronavírus

Seabra: Prefeitura decreta estado de calamidade pública em decorrência do coronavírus

A prefeitura de Seabra, declarou, nesta sexta feira (3), estado de calamidade pública em decorrência da pandemia do novo coronavírus. O decreto, valerá por 90 dias.

Seabra ainda não possui nenhum caso confirmado da Covid-19. Na Chapada Diamantina Utinga saiu na frente. A informação foi confirmada nesta sexta-feira (3) pelo prefeito Joyuson Vieira. Boletim diário da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) também consta o caso como a sexta vítima fatal do novo coronavírus na Bahia. Em rede social, o prefeito Joyuson informa à população sobre a ampliação do protocolo e detalha a situação no região. A vítima foi um homem de 80 anos, que deu entrada no Hospital Municipal Santa Dulce dos Pobres, no dia 29 de março e morreu no dia 30.

“É com tristeza que comunicamos a incidência de coronavírus no município. Um paciente do sexo masculino de 80 anos, deu entrada no hospital dia 28 de março, veio a óbito em 30 de março e hoje [sexta], 3 de abril, recebemos da Sesab o resultado de confirmação para o coronavírus. Comunicamos aos colegas da Chapada essa incidência e nos colocamos à disposição de todos para maiores informações através da Secretaria Municipal de Saúde. Recomendamos que adotem as providências cabíveis, na minha ótica de mais isolamento social e das providências recomendadas pela Organização Mundial de Saúde [OMS], pelo Ministério da Saúde, pela Sesab e pelas nossas secretarias municipais de Saúde, lutemos”, informa o prefeito. Ao menos 15 pessoas são monitoradas em Utinga.

Até o momento, a Bahia já registrou 290 casos confirmados do novo coronavírus, o que representa 4,5% do total de casos notificados no país. Até o momento, 1.913 casos foram descartados e houve seis óbitos, cinco residentes em Salvador que apresentavam comorbidades associadas e outro em Utinga. “O caso do interior do estado estava como óbito suspeito e após investigação foi confirmada a causa da morte por Covid-19. Era um senhor de 80 anos com doença cardíaca preexistente”, aponta nota da Sesab.

Este número contabiliza todos os registros de janeiro até as 17h desta sexta (3). Ao todo, 63 pessoas estão recuperadas e 35 encontram-se internadas. Quanto ao sexo dos casos confirmados, 50,51% são do sexo masculino. A média de idade é 40 anos, variando de seis meses a 95 anos. A faixa etária mais acometida foi a de 30 a 39 anos, representando 23,88% do total. Porém, o coeficiente de incidência por 100.000 habitantes foi maior na faixa de 70 a 79 anos (3,66/100.000 hab), indicando o maior risco de adoecer entre os idosos.

Sobre Redação

Você pode Gostar de:

Decisão judicial contraria decreto de Rui sobre circulação de ônibus em estradas baianas; advogado pediu prisão de tenente

  A juiza federal Olívia Merlin Silva não determinou nesta segunda-feira (25/05) a prisão de …